Os cuidados com a área ambiental fazem parte de uma boa gestão da organização, pois a falta de cuidado com meio ambiente pode causar sérios prejuízos para a empresa, como a aplicação de multas e sanções, também prejudicando a imagem do negócio em curto e longo prazo, dependendo da extensão dos danos.

Podemos perceber também que o cuidado da companhia com o meio ambiente pode auxiliar na prevenção de acidentes de trabalho. Isso ocorre devido a vários desvios que podem gerar riscos e que estão diretamente relacionados aos impactos nessa área.

Uma forma de prevenir eventuais acidentes ambientais ou ocupacionais é por meio de planejamento e cuidados específicos nessa área. Descubra o que é a gestão ambiental e como ela pode trazer benefícios para a organização.

O que é gestão ambiental?

A gestão ambiental é um processo implementado pela administração, que tem como foco a sustentabilidade, a fim de diminuir os impactos causados ao meio ambiente a partir das atividades realizadas.

A ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) define que ela compreende a estrutura organizacional, os procedimentos e processos realizados pela instituição, as responsabilidades e práticas, o planejamento, a aplicação, a revisão e a manutenção da política ambiental corporativa.

Independentemente da atividade-fim, pode-se implementar um sistema de gestão ambiental eficiente, seja no segmento industrial, no ramo de prestação de serviços ou em qualquer outro.

Quais os seus benefícios para a organização?

A implementação desse processo traz uma série de benefícios para a empresa, tais como:

  • melhoria no uso de recursos nas atividades do negócio, evitando desperdícios e possibilitando a reutilização de matéria-prima;
  • consequente melhora na economia com insumos;
  • diminuição do uso de água e energia;
  • possibilidade do descarte correto e adequado dos resíduos;
  • conquista da atenção do cliente, devido a ações de proteção ao meio ambiente, fortalecendo a imagem perante a comunidade;
  • acompanhamento de tendências nacionais e internacionais de conduta corporativa;
  • desenvolvimento de produtos que gerem impacto ambiental reduzido, trazendo uma melhor imagem para a empresa;
  • melhoria dos produtos e/ou serviços produzidos.

Para o setor de segurança do trabalho, também há diversos pontos positivos, entre eles:

  • diminuição do risco de erros de descarte de material contaminado e/ou que gerem impacto ambiental;
  • prevenção e segurança na manipulação de itens que possam causar prejuízos ao funcionário e ao meio ambiente (como substâncias químicas, gases, etc.);
  • qualificação através de treinamento dos funcionários para ações sustentáveis durante a execução do trabalho;
  • cumprimento dos objetivos e metas ambientais;
  • prevenção de acidentes que possam causar sérios prejuízos à organização e também aos colaboradores que ali estão.

Qual a relação entre a ISO 14000 e a gestão ambiental?

A obtenção de certificações ISO é importante para as empresas, ajudando a conquistarem uma melhor reputação no mercado, bem como garantindo a qualidade das ações executadas no ambiente corporativo.

A gestão ambiental está ligada diretamente a ISO 14000. Ela aborda os requisitos para priorizar a excelência no manejo ambiental, de forma a minimizar os efeitos prejudiciais causados pela atividade laboral e estabelece normas que visam evitar contaminações, objetivando o correto armazenamento de substâncias, a proteção da fauna e flora, o controle e o manuseio adequado de descartes, entre outros.

A partir dessas regras, pode-se estabelecer um Sistema de Gestão Ambiental (SGA) eficiente, com a definição de ações, de forma a avaliar se o planejamento está sendo seguido corretamente, com o fim de elaborar revisões coerentes do que foi estabelecido e gerar relatórios futuros.

Entendeu o que é gestão ambiental e como ela pode auxiliá-lo em seu trabalho? Gostou do nosso conteúdo? Então, compartilhe-o em suas redes sociais e leve esse conhecimento para a sua rede de amigos!

Autor

Escreva um comentário

Share This