Preservar o meio ambiente é uma obrigação de todos os seres humanos. E, quando se trata de empresas e outras organizações, isso se torna ainda mais evidente, porque toda atividade impacta de alguma forma o meio ambiente.

É aí que entram as multas ambientais como uma forma de garantir que os negócios se preocupem com o impacto que causam ao planeta. Elas, além de evidenciar os prejuízos ao meio ambiente e gerar gastos para a empresa, também impactam negativamente a reputação e imagem da marca perante o público.

Quer saber mais sobre isso? Continue a leitura e descubra!

Entenda o que são as multas ambientais

Uma das obrigações dos governos, federal, estadual e municipal, é garantir a preservação do meio ambiente no território brasileiro. Para isso, são feitas fiscalizações relacionadas ao uso de recursos e poluição gerada pelas organizações.

O principal órgão de fiscalização no Brasil é o Ibama, que divide a responsabilidade com outras instituições relacionadas ao Sisnama — Sistema Nacional de Meio Ambiente. A legislação sobre isso é ampla, incluindo a Lei 12.305 e a  Lei 9.605, entre outras.

Conheça os efeitos das multas ambientais na imagem do negócio

Os impactos ambientais, causados pela destruição de florestas e poluição de rios, por exemplo, já são sentidos pela população. Dessa forma, a necessidade de preservar o meio ambiente é uma questão que ganha força, não apenas dentro das organizações, mas para a sociedade como um todo.

Fica nítido que o Planeta Terra não precisa dos seres humanos para continuar existindo. Porém, a humanidade depende dele para se manter viva e garantir os recursos mínimos para a sobrevivência.

É por isso que as multas ambientais são tão prejudiciais para o negócio. Elas evidenciam os danos que a empresa gera ao meio ambiente além de indicar algum descumprimento ou desacordo com as leis ambientais e isso traz insatisfação e quebra de confiança, tanto com clientes quanto com colaboradores, fornecedores e outras pessoas e organizações que se relacionam com a marca.

Portanto, é essencial ficar atento à legislação e entender quais são essas multas e como evitá-las. Dessa forma, além de reduzir gastos, você ainda atua na direção da preservação ambiental, auxiliando na sustentabilidade do planeta.

Saiba das principais multas ambientais

Entenda agora quais são as principais multas ambientais que podem trazer prejuízos para a imagem da sua empresa!

1. Poluição

Uma das causas mais comuns de multa ambiental é a poluição de soIos, rios e ar. Isso ocorre quando a empresa descarta resíduos de forma indevida, em terrenos vazios ou em rios, por exemplo. Além disso, a fumaça emitida pelas chaminés de indústrias ou empresas precisa ser filtrada para evitar a poluição do ar com partículas de sujeira.

2. Queimada e desmatamento

Outra multa ambiental bastante frequente é a queimada de áreas para sua utilização. Muitas vezes ela é praticada com o intuito de realizar plantações, porém também ocorre para a construção de instalações. Por poluírem o solo e o ar, são consideradas crimes ambientais que geram multas.

Contudo, o desmatamento também pode gerar multas. Costumam ser realizados cortes de árvores para a construção e plantio e, dependendo do local onde isso acontece e o tipo de árvore, também pode ser um crime ambiental muito grave.

3. Construção em local proibido

Construir perto ou em mangues, nascentes e rios também é um crime ambiental que gera multas. Portanto, antes de aumentar ou expandir sua empresa, é essencial consultar os órgãos regulamentadores, de forma a garantir que a nova instalação não irá prejudicar o meio ambiente, e evitar multas.

4. Ausência de licenciamento ambiental

Se a sua empresa utiliza recursos naturais para a criação de produtos, é exigido o licenciamento ambiental. Não possuir esse documento gera sanções, uma vez que fica nítido que a empresa não consultou os órgãos ambientais para garantir o mínimo impacto nas atividades realizadas.

As multas ambientais não geram prejuízos apenas para a empresa, mas para toda a sociedade. A informação é a melhor forma de evitá-las, uma vez que é preciso conhecer a legislação e entender quais são as práticas que podem prejudicar o ambiente. Dessa forma, além de garantir a boa reputação da sua marca, você também auxilia na sustentabilidade e mostra preocupação com o futuro do planeta.

Caso tenha perguntas, aproveite para deixar um comentário abaixo e tire mais dúvidas sobre as multas ambientais.

Para saber mais sobre a SAFE, acesse nosso site www.safesst.com.br ou entre diretamente em contato conosco, clicando aqui. Se tiver curiosidade ou interesse em outros assuntos de Meio Ambiente, Saúde Ocupacional ou Segurança do Trabalho, visite nosso blog.

Autor

Escreva um comentário

Share This